Aulas de tênis melhoram a concentração e o foco

O tênis exige enorme precisão. Um erro numa batida de bola pode custar não somente um ponto duramente disputado, mas o game, o set, a partida ou mesmo o título do torneio. Como cada jogador bate e rebate a bola milhares de vezes durante o jogo e cada distração significa um ponto perdido, vence quem mantiver a concentração e o foco por mais tempo.

 

Um exemplo é o do sérvio Novak Djokovic, conhecido por manter alto nível de concentração principalmente nas horas mais importantes da partida, fazendo com que consiga jogar seu melhor tênis mesmo nos momentos mais tensos. Prova disso foi o US Open de 2015, em que se sagrou campeão disputando a final contra o suíço Roger Federer. Djokovic manteve o foco, ganhando pontos pelo excesso de erros do adversário, talvez muito preocupado em alcançar sua 18ª conquista de Grand Slam.

 

Por esse motivo, concentração e foco recebem grande atenção nas aulas de tênis da instrutora Letícia Sobral. “Uma simples distração leva ao erro e constantemente você é exposto a isso durante um jogo. Há vários fatores que levam o tenista a se distrair, desde pressão da própria partida até questões pessoais. Em determinados momentos, conquistar o ponto é tão importante que ele tem dificuldade em se concentrar no que está fazendo”, explica.

 

No seu método, concentração e foco são trabalhados por meio de objetivos claros para que os alunos estejam sempre direcionados em atingi-los. “Conquistar um ponto depende de uma jogada bem executada, e para isso é necessário estar totalmente concentrado no que se está fazendo”, acrescenta. “A capacidade de superação, de reverter situações adversas e buscar soluções ao invés de se lamentar. O tempo todo o tênis lhe expõe a este tipo de situação e você tem que aprender a lidar e resolver da maneira mais eficiente possível.”

 

Letícia Sobral acredita também que esses ensinamentos aprendidos nas aulas de tênis são importantes não apenas para melhorar o desempenho no tênis, mas enfrentar os desafios da vida pessoal e profissional. “Tenho um aluno que começou a treinar comigo e na escola tirava apenas notas medianas. À medida que nossos treinos foram evoluindo e ele foi absorvendo todos os ensinamentos do tênis (dentre eles, o aumento da capacidade de concentração), passou a ir melhor na escola e hoje é aluno de Harvard”, conta.

 

Quer conhecer mais benefícios das aulas de tênis para a sua saúde? Entre em contato e agende uma aula gratuita.